Origem do Censo e a Idade da Estatística

07:00:00 Professora Manuka 0 Comentários


A Estatística estuda os métodos utilizados para obtenção e organização de dados em tabelas e gráficos, bem como a análise desses dados. Apresentando-a dessa forma, parece se tratar de uma área recente, criada pela necessidade dos tempos modernos. Mas isso não é verdade. Acompanhe:

Na borda direita, segunda "linha" de ilustrações:
enquanto os escravos guardam o trigo, outra pessoa toma nota de tudo.

Sabe-se que o imperador chinês Yao, em 2238 a.C., mandou realizar um censo da população e das lavouras. Esse é o primeiro censo de que se tem notícia.

Censo, do latim censu, quer dizer conjunto dos dados estatísticos dos habitantes de uma cidade, província, nação, etc.   

Clique e veja meu relato do trabalho do Censo Agropecuário 2017

Há registro de que os egípcios realizavam um recenseamento anual por volta do século XVI a.C. Os egípcios não faziam apenas o censo populacional. A pintura encontrada na tumba de Menna mostra escribas anotando a produção de grãos enquanto os trabalhadores os armazenavam.


A Bíblia nos conta que José e Maria viajaram de Nazaré a Belém para responder ao censo ordenado pelo imperador César Augusto. Nessa época, as pessoas foram entrevistadas em seu local de nascimento. Foi no período em que estavam em Belém que Jesus nasceu.


O censo era importante para saber quantas pessoas formavam a população das localidades, e os dados nele obtidos serviam para cobrança de impostos e alistamento para guerra.

No Brasil, a primeira tentativa para realizar o censo nacional da população data de 1852. Não foi possível levá-lo adiante por ter havido uma revolta da população contra o decreto que o regulamentava, conhecido como Lei do Cativeiro.

Somente em 1872 foi realizado o primeiro recenseamento nacional no Brasil. Ele registrou quase 10 milhões de habitantes no país, dos quais 15,24% eram escravos, ou seja, 1.524.000 pessoas.

Somente em 13 de maio de 1888 foi assinada a Lei Áurea, pela Princesa Isabel, decretando o fim da escravidão no Brasil.

Atualmente, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é o órgão que coordena e dirige assuntos relacionados à Estatística, sendo responsável pelo recenseamento nacional. 
Ele é um instituto público da administração federal brasileira criado em 1934 e instalado em 1936 com o nome de Instituto Nacional de Estatística. Seu fundador e maior incentivador foi o estatístico Mário Augusto Teixeira de Freitas. O nome atual data de 1938. A sede do IBGE se localiza na cidade do Rio de Janeiro.

Veja também:



0 comentários: