Linha do tempo da Literatura Brasileira

14:24:00 Professora Manuka 0 Comentários

As pessoas usam diferentes linguagens para se comunicar, sendo a Literatura uma delas. Por meio da arte literária é possível expressar sentimentos, pensamentos, desejos, angústias, enfim, externar aquilo que se sente e o que se pensa do mundo. Acompanhe:

Imagem: Freepik. Editado por Manoella Grangeiro usando o Fotor.

Com a chegada dos portugueses ao Brasil, começou a produção literária com a Carta de Pero Vaz de Caminha, descrevendo a beleza e as descobertas com as quais ele se deparou na terra desconhecida.

Desde aquela época até hoje, a Literatura Brasileira passou por diversos períodos, da mesma forma que o meio social e as obras difundidas foram se modificando ao longo do tempo.

É através das obras que podemos conhecer o que sentiam, viviam e pensavam as pessoas que viveram em épocas passadas e entender como o contexto social afetava o que se escrevia.

Diante disso, preparamos uma linha do tempo com os principais autores e marcos de cada período histórico da Literatura Brasileira:

ERA
PERÍODO
MARCOS
PRINCIPAIS AUTORES
ERA  COLONIAL
Quinhentismo
1500
Pero Vaz de Caminha escreve a Carta.
Pero Vaz de Caminha
Pero M. Gândavo Gabriel Soares de Sousa                
José de Anchieta
Seiscentismo ou
Barroco
1601
Publicação de Prosopopeia, de Bento Teixeira.
Gregório de Matos
Pe. Antônio Vieira
Setecentismo ou
Arcadismo
1768
Publicação de Obras, de Cláudio Manuel da Costa.
Cláudio Manuel da Costa               Tomás Antônio Gonzaga           
Silva Alvarenga Alvarenga Peixoto Santa Rita Durão Basílio da Gama
ERA NACIONAL
Romantismo
1836
Publicação de Suspiros Poéticos e Saudades, de Gonçalves de Magalhães.
Gonçalves Dias Álvare de Azevedo Casimiro de Abreu Junqueira Freire Fagundes Varela Castro Alves
José de Alencar
Manuel Antônio de Almeida
Joaquim Manuel de Macedo
Visconde de Taunay
Bernardo Guimarães
Franklin Távora
Realismo
Naturalismo
Parnasianismo
1881
Publicação de Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, e de O Mulato, de Aluísio Azevedo.
Machado de Assis1
Aluísio Azevedo
Raul Pompéia
Olavo Bilac
Raimundo Correia
Alberto de Oliveira

Simbolismo
1893
Publicação das obras Missal e Broqueis, de Cruz e Sousa.
Cruz e Sousa
Alphonsus de Guimaraens
Pedro Kilkerry

Pré-modernismo
1902
Publicação de Os Sertões, de Euclides da Cunha.
Euclides da Cunha
Graça Aranha
Lima Barreto
Monteiro Lobato
Augusto dos Anjos
Modernismo
1922
Semana de Arte Moderna.
Oswald de Andrade
Mário de Andrade
Manuel Bandeira
Antônio de Alcântara Machado
Graciliano Ramos
José Lins do Rego
Rachel de Queiroz
Jorge Amado
Érico Veríssimo
Carlos Drummond de Andrade
Murilo Mendes
Jorge de Lima
Vinícius de Morais
Cecília Meireles
Geração de 45
1944
Publicação de Perto do Coração Selvagem, de Clarisse Lispector.
Clarice Lispector
Guimarães Rosa
João Cabral de Melo Neto
Concretismo e poesia práxis
1956
Lançamento da revista Noigandres.
Augusto de Campos
Haroldo de Campos
Décio Pignatari
Ferreira Gullar
Mário Chamie
Torquato Neto
Contemporaneidade
Anos 60 do séc. XX até hoje
Tropicalismo.
Lygia Fagundes Telles
Osman Lins
Mário Quintana
Murilo Rubião
Fernando Sabino
Rubem Braga
Dalton Trevisan
Autran Dourado
Otto Lara Rezende
José J. Veiga
João Antônio
Ricardo Ramos
Sérgio Porto
Antônio Callado
Adonias Filho
Rubem Fonseca
João Ubaldo Ribeiro
Luis Fernando Veríssimo
Ignácio de Loyola Brandão
Affonso Romano de Sant’Anna
Nélida Piñon
Lya Luft

1. Acompanhe a matéria complementar sobre o autor clicando no link abaixo:

Contexto sócio-histórico da vida e obra de Machado de Assis 

0 comentários: